Menu

Notícias

IPAM » Sala de Imprensa » Notícias » Prefeitura, através da Semur, entrega títulos de imóveis a famílias do bairro Socialista
11 jun

6 visualizações

Prefeitura, através da Semur, entrega títulos de imóveis a famílias do bairro Socialista

Evento tem a parceria da Semes, que promoverá uma Rua de Lazer na comunidade

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária, Habitação e Urbanismo (Semur), entregará, no domingo (16/6), centenas de títulos de imóveis a famílias do bairro Socialista.

O evento tem a parceria da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semes), que promoverá uma Rua de Lazer na comunidade, sob a coordenação da secretária, Ivonete Gomes.

Os moradores dos bairros adjacentes da zona Leste também podem participar das atividades esportivas, no campo de futebol ‘Princesão’, localizado na Rua Aruba. Na sequência, haverá a solenidade de entrega dos títulos, com a presença de secretários municipais, convidados e do prefeito Hildon Chaves, que tem a regularização fundiária como uma de suas prioridades.

O trabalho vem sendo desenvolvido de forma célere, a partir do perfil social definido no levantamento socioeconômico, que aponta para a entrega de até 989 títulos. Os contemplados não podem ter renda superior a cinco salários mínimos e nem imóvel no nome, para que seja enquadrado no quesito interesse social.

A diretora do Departamento de Regularização Fundiária de Interesse Social (DRIS) da Semur, Geisa Pacheco, esclarece que os munícipes que se enquadram em outra modalidade, a exemplo da de interesse social e específico, ficarão para uma próxima etapa. Nesse quesito, se enquadram as pessoas com renda acima de cinco salários mínimos.

Segundo o secretário da Semur, Edemir Brasil, os títulos definitivos estabelecem a segurança jurídica para, dentre outras possibilidades, adquirir financiamento bancário e investir no imóvel. “É um trabalho incansável, em busca de novas metas, pois esse benefício é a oportunidade das pessoas melhorarem a qualidade de vida”, concluiu.

Comdecom

Compartilhe


Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas