Menu

Notícias

IPAM » Sala de Imprensa » Notícias » Justiça mantém valor da multa diária em caso de nova paralisação
11 abr

34 visualizações

Justiça mantém valor da multa diária em caso de nova paralisação

Audiência solicitada pelo Município aconteceu na tarde desta quarta-feira (10/4), na Justiça do Trabalho

A Justiça do Trabalho manteve o valor da multa diária a ser aplicada a empresa responsável pelo transporte coletivo de Porto Velho e também ao Sitetuperon (sindicato dos trabalhadores do setor), em caso de novas paralisações, como ocorreu na sexta-feira da semana passada.

Em audiência solicitada pelo Município, que aconteceu na tarde desta quarta-feira (10/4), a Desembargadora Socorro Guimarães declarou-se impedida de dar andamento aos trabalhos, devido a indicação do advogado por parte do Consórcio SIM. No entanto, manteve a multa de R$ 300 mil ao Sitetuperon, por dia de paralisação, e de R$ 25 mil a empresa, para cada ônibus que não circular, até que seja feita a análise do processo.

“Ficou claro, na decisão, que tanto a empresa quanto o sindicato não podem tomar qualquer decisão que venha causar transtornos aos usuários. Também ficou clara a impossibilidade da paralisação e, no caso de ela ocorrer novamente, uma responsabilidade através de multa pecuniária para o Sindicato e para a empresa”, destacou o secretário Nilton Kisner (Semtran).

Melhoria

O objetivo da gestão do Prefeito Hildon Chaves é dar tranquilidade ao munícipe, garantindo que o transporte coletivo esteja sim em funcionamento, trazendo tranquilidade aos usuários. “O Município trabalha para a manutenção do serviço e para a qualidade e melhoria do transporte, através do processo licitatório. No dia 6 de maio será feita abertura das propostas para novas empresas explorarem o serviço do transporte coletivo em Porto Velho”, pontuou Kisner.

 

Comdecom

Compartilhe


Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas